• Home
  • Blog
  • Postagens
  • Como é feita a tradicional cerimônia do chá no Japão

Se você está lendo este texto, certamente é um amante do chá ou já provou dessa bebida milenar em algum momento da sua vida. Mas você sabia que em alguns lugares do mundo, diferentemente da cultura brasileira, há um ritual para tomar chá? 

 

No Japão, existe uma tradicional cerimônia do chá chamada chanoyu, onde os japoneses servem e bebem o matchá, um chá verde em pó. Muito mais que um ritual social, a chanoyu faz parte da história e cultura do país e é respeitada por toda a sua delicadeza, significado e sabor em cada detalhe.

 

A origem da cerimônia do chá no Japão

 

Para entender toda a importância da cerimônia do chá, precisamos voltar ao século VIII, época em que o chá chegou ao Japão. Quando a bebida chegou ao país, o matchá ainda não era conhecido e o chá era usado como bebida, mas também como remédio. No final do século XII, o matchá foi trazido da China e, pouco a pouco, passou a fazer parte da vida dos japoneses.

 

O tempo passou, o chá tornou-se cada vez mais parte da cultura, desde os budistas zen até a sociedade em geral. Com os anos, o chá começou a ser utilizado também no tocha, um jogo de salão em que os convidados do anfitrião degustavam diversas xícaras de chás variados, cada um produzido em uma região diferente. O vencedor do jogo era aquele que conseguisse identificar qual dos chás era o melhor. O sucesso do tocha resultou na criação de muitas plantações de chá, especialmente nas proximidades de Tóquio, uma região que até hoje é reconhecida como produtora dos melhores chás.


Aos poucos, o jogo tocha se transformou em um costume concentrado na alta sociedade, sem envolver prêmios, como um momento onde os participantes se reuniam para admirar pinturas, artes e artesanato. Logo regras surgiram, influenciadas pelas formalidades que regulavam a vida cotidiana dos samurais, que eram a classe dominante no país na época, tornando a chanoyu em uma cerimônia formal e tradicional.

 

A tradição das cerimônias de chá

 

Murata Juko, um plebeu, conheceu a arte de tomar chá chanoyu (ou “caminho do chá”, em sua tradução livre) praticada pela classe mais alta da sociedade e decidiu propor um novo estilo de cerimônia de chá, que se tornou conhecido como wabicha. Essa cerimônia foi baseada nas sensibilidades japonesas influenciadas pelo budismo zen e, desde a segunda metade do século XVI, foi estabelecida como o tradicional ritual do chá por Sen-no-rikyu, continuando a ser praticada até hoje.

 

Mesmo com a nova cerimônia do chá, o cotidiano japonês ainda é influenciado por formalidades herdadas da tradicional cerimônia. Esses costumes podem ser observados nas aulas que as moças recebem antes de se casarem, seguindo etiquetas e posturas inspiradas na cerimônia original do chá, a chanoyu.

 

A arte de servir chá é transmitida de geração em geração no Japão. As escolas de chá formam inúmeros mestres de chá, como são chamados aqueles que praticam a cerimônia. Apesar da diversidade de escolas que ensinam o ofício do chá e suas particularidades, há regras que estão presentes em todas elas, em respeito aos antepassados e aos seus ensinamentos. 

 

A essência da cerimônia do chá 

 

Muito mais do que um momento em que pessoas se reúnem para desfrutar de uma xícara de chá, a chanoyu é uma cerimônia a ser vivenciada. É difícil expressar em palavras o que essa prática significa para o povo japonês. Desenvolvida sob a influência do budismo zen, cujo objetivo é purificar a alma do homem, tornando-a parte da natureza, a cerimônia do chá é um convite para contemplar e sentir a beleza na simplicidade.

 

A verdadeira essência da chanoyu é proporcionar calma, graça e simplicidade ao homem. Suas regras, que por vezes podem parecer excessivas, na realidade são uma maneira de simplificar os movimentos, transformando o ritual de servir e beber chá em uma dança aos olhos dos espectadores. 

 

Não é à toa que essa cerimônia faz parte da cultura do país. A chanoyu é uma arte que expressa beleza, desde o ambiente onde é realizada até o jardim japonês e a cerâmica usada para beber o chá. Tudo é feito com beleza e simplicidade, trazendo harmonia à vida dos japoneses.

 

Como é realizada a cerimônia do chá 

 

Participar de uma cerimônia do chá no Japão é uma experiência que envolve detalhes tradicionais, como tirar os sapatos antes de entrar na sala de espera da casa de chá (chashitsu), lavar as mãos e a boca, aguardar a reverência silenciosa do anfitrião como sinal de convite para que os convidados entrem na sala e, claro, elogiar o ambiente ao entrar.

 

Toda a cerimônia é conduzida pelo mestre de chá, que veste um traje especial para a ocasião. Assim que os convidados entram na sala e se acomodam com os calcanhares apoiados e os joelhos dobrados, o mestre inicia o ritual. Primeiro, os utensílios usados na preparação do chá são cuidadosamente limpos, seguindo uma ordem de importância. Após essa etapa, o mestre prepara o chá em uma chaleira sobre um fogareiro de carvão, servindo-o em uma tigela de cerâmica para o convidado de maior prestígio.

 

Ser o convidado mais importante da cerimônia é sinônimo de grande prestígio. Portanto, o primeiro convidado deve mostrar seu respeito ao mestre de chá, levantando a tigela com a bebida ao recebê-la. Além disso, o convidado deve seguir um passo a passo para beber o chá: girar a tigela para beber pela frente, dar um gole, elogiar o mestre pelo sabor e pela forma como a bebida foi servida; em seguida, passar a tigela para o próximo convidado, que repetirá o ritual e passará a bebida adiante.

 

Vivenciando a arte de tomar chá

 

Tomar chá em uma cerimônia do chá no Japão é uma experiência inesquecível repleta de tradição e sabor, mas sabemos que nem sempre é possível embarcar em um avião e viajar para o país, não é mesmo? Por isso, selecionamos duas opções de chá verde para que você possa apreciar um pouco desse sabor.

 

O Chá Verde Twinings tem suas folhas colhidas ao amanhecer dos primeiros dias da primavera. A partir daí, elas são cuidadosamente tratadas no vapor e no calor para que liberem seus aromas característicos, mantendo o sabor levemente tostado e ao mesmo tempo refrescante.

 

Outro sabor Twinings perfeito para ter um momento de pausa é o Chá Verde e Hortelã, colhido em jardins de chá de alta qualidade na China. Esse blend mistura o sabor delicado e natural do chá verde com a refrescância das melhores folhas de hortelã, trazendo uma sensação de frescor para o seu dia.

 

Quer conhecer esses e outros sabores de chá Twinings? 

 

Visite nossa loja online oficial Twinings

Talvez você goste também

Bebidas aconchegantes

5 chás para relaxar depois de um dia corrido

Conheça opções de chás Twinings para ajudar você a relaxar após o trabalho, a faculdade ou uma rotina agitada e […]
Ler mais
Categorias dos chás

Conheça as diferentes categorias de chás Twinings

Os chás, além de serem conhecidos por suas propriedades reconfortantes, também conquistam corações com sua variedade de sabores. Na Twinings, […]
Ler mais
Bebidas para celebrar

Páscoa com chá Twinings: receitas para saborear em família

Com o domingo de Páscoa se aproximando, surge a oportunidade perfeita para reunir família e amigos. A data é rica […]
Ler mais
Dia a dia

Harmonizações de chás Twinings com comidas

Quando ouvimos falar em harmonização e combinação de sabores, a primeira coisa que costuma vir à mente é o vinho, […]
Ler mais
Autocuidado

5 hábitos de autocuidado para tornar seu ano mais leve

Descubra como começar o ano inserindo hábitos de autocuidado na sua rotina que vão te ajudar a ter um dia […]
Ler mais
Dia a dia

Guia de como criar um cantinho do chá na sua casa

Desvende o passo a passo de como criar um cantinho do chá e leve mais estilo, leveza e exclusividade ao […]
Ler mais
Tudo sobre chá

3 séries para assistir enquanto aprecia uma xícara de chá

Uma boa série tem o poder de nos transportar para dentro de sua história, permitindo-nos experimentar novos sentimentos e sensações. […]
Ler mais
Tudo sobre chá

3 filmes que todo amante de chá precisa ver

Os filmes, assim como os chás, têm o poder de nos fazer conhecer novas culturas e sensações. Muitas vezes, eles […]
Ler mais
[NOME EMPRESA] LTDA - CNPJ: 00.000.000/0001-00 [RUA OU AVENIDA], 000 - [BAIRRO], [CIDADE] - [UF], CEP 00000-000